Pesquisa personalizada
Início >>Categorias>>Dívidas>>Início >>Categorias>>Dívidas>>O devedor eficaz

Fazer Fácil também está no Twitter

Fazer Fácil também no Youtube

 

Como se tornar o devedor eficaz - mesmo com o SPC e o SERASA


Você comprou um eletrodoméstico numa destas grandes lojas e não vai mais conseguir pagar. A empresa vai te procurar através da assessoria dela para saber em que data sua dívida será paga. Irão te ligar poucos dias após o vencimento fingindo pensarem que você esqueceu de pagar.

Vão dizer: consta um débito do dia tal, tal, tal, estamos ligando para saber em que data o Sr(a). irá efetuar o pagamento. Aqui seu nome ainda está limpo. Você provavelmente dará uma data qualquer para que a pessoa desligue logo o telefone, sabendo que não irá pagar.

Após a data dita por você a pessoa liga novamente e finge mais uma vez que acha você esqueceu de pagar a devida conta.

O Sr(a) ficou de pagar a conta mas ainda consta um débito em nosso sistema. Você dá outra desculpa boba e ela novamente desliga. A partir do fim desta ligação, seu nome está prestes a entrar nos famigerados cadastros de inadimplentes: SPC, SERASA, Banco Central, etc. Depende apenas da natureza da sua dívida.

Você receberá cartas de advertência de que seu nome será “ negativado “. E após isso, o pior acontece e você não pode comprar mais nada à crediário. Voce pensa e chega à conclusão de que prefere esperar por cinco anos e ficar com o nome limpo novamente. Isto realmente acontecerá. Após exatos cinco anos seu nome estará livre dos cadastros.

Durante cinco anos seu nome estará constando dos famigerados cadastros de inadimplentes e seu acesso ao crédito estará comprometido.

Não esqueça porém de que a dívida continua. Como assim? Se você pegou um empréstimo em um banco, após cinco anos seu nome estará limpo e poderá tranquilamente pegar um empréstimo em outros bancos. Mas no banco em que você devia, continua constando o débito e você não arrumará nada naquele banco novamente.

Vamos voltar aos cinco anos de nome “ negativado “. Durante este período sua dívida será vendida a quem pagar mais. Ela será passada de uma empresa de cobrança para outra até que alguma delas receba o seu pagamento ou desista. Provavelmente será uma instituição com nome idiota, que só serve para te meter medo, como “ alguma coisa “ dos advogados ou fulano de tal & Advogados Associados, normalmente o atendente se identifica como advogado da empresa, pergunte qual o número da OAB dele e diga para ligar mais tarde que você irá verificar junto ao seu advogado. Fale isso e a conversa já muda. Você acha que um advogado vai ligar para sua casa para fazer acordo sobre dívidas?

Os cinco anos passarão e a cada ano, a sua dívida que foi aumentada assustadoramente, irá diminuir. Porque isso acontece? A cada ano que passa as empresas de cobrança perdem mais a esperança de que você irá pagá-las. Portanto elas dão mais desconto para que você pague os débitos.

Poucas pessoas levam isso em conta mas quando uma empresa te dá um valor para pagar ela pode chegar a até 90% de desconto e ainda assim retirar o lucro dela. Ou seja, você devia R$ 500,00, soma-se juros muitas vezes ilegais e a dívida chega a R$ 1.000,00. A empresa te cobra os R$ 1000,00 porém diz que existe uma promoção de desconto de 50% e que sua dívida será de “ apenas “ R$ 500,00 ( sua dívida original). Este é o padrão. Porém, quando a dívida é de R$ 1.000,00 empresa de cobrança só espera receber aproximadamente R$ 100,00. Dentro deste valor está a porcentagem que ela pagará ao banco e o seu lucro na negociação.

Porque eles não descem logo para este valor.? Óbvio, para ganharem mais; elas só chegarão neste valor quando sua dívida estiver em aproximadamente 4 anos ( próxima a limpar ). A não ser que você mostre conhecer a lei e usá-la a seu favor.

Tanto faz se você for a apenas uma loja, comprar um produto e não conseguir pagar quanto se for a inúmeras lojas, comprar uma infinidade de produtos e não pagá-los. Para ambas as situações, independente da quantidade de produtos, você terá o nome negativado pelos mesmos 5 anos.

Próxima

Compartilhe |

comments powered by Disqus

Pesquisa personalizada

Fazer Fácil - Política de Privacidade